"Pra quem gosta e pra quem não gosta": Kelvyn amorim agora está também no youtube

Conheça a trajetória de Kelvyn Amorim, o influenciador digital em ascendência no litoral norte de alagoas, que vai retomar o antigo sonho de ser youtuber

Kelvynho inaugura canal no Youtube (Fotos: arquivo pessoal)

Vocês sabem quem é Dhjames Kelvyn Amorim Rufino? Talvez por esse nome não façam ideia de quem estamos falando. E se dissermos "Kelvynho"? Agora ficou mais fácil, né? Pois é, esse é o nome de batismo do humorista, artista e influenciador mais comentado no Litoral Norte de Alagoas. Com 19 anos de vida, Kelvyn Amorim é definitivamente o "artista do século". Nascido no dia 04 de outubro de 2000 na cidade de Barreiros (PE), morou praticamente a vida toda na nossa vizinha Japaratinga (AL), passando apenas dois anos em Maragogi (AL), por conta de transporte para os estudos em Maceió (AL). 

O canal de Kelvyn, na teoria, começa nesta sexta-feira (21), mas na prática o criador de conteúdo sempre teve o projeto de viver da internet, inclusive já tinha criado um canal no Youtube em 2016. Mas não deu certo, por não ter uma assessoria necessária para ajudá-lo, além de não ter um público-alvo identificado na época. A veia cômica do influenciador era evidente por todos que conviviam com ele, antes mesmo de ser considerado um "digital" propriamente dito. E foi por isso, através do "feedback" positivo em um vídeo ainda com mil seguidores, que o humorista resolveu investir de vez no ramo digital. 

Além do apoio dos primeiros seguidores, o artista relata que foi conjuntamente motivado por três bases de influenciadores: Isaias Silva (@isaiaslvas), cujo estilo do "feed" foi a principal inspiração; Aildes (@aidesol), onde a forma pela qual interagia com os amigos nos "stories" os guiaram; e Jackson Moura (@jacksonmoficial), que mais o influenciou, pela relação dele com a família. Kelvyn afirma que "o principal desafio foi a galera entender que alguém da mesma cidade que você, pode crescer também, que aquilo era um trabalho, uma coisa séria”. A falta de apoio local foi uma barreira complicada para lidar no começo do seu trabalho na plataforma. 

A respeito de críticas e "haters", Kelvyn relata que as encara de maneira edificadora com aqueles que não o ofendem sem motivo, ou seja, que o criticam construtivamente. O contrário disso são as famosas ofensas gratuitas sem teor agregador. Essas são descartáveis para o influente. "A gente sempre tem que jogar fora, tem que descartar, porque se a gente for ligar pra o que as pessoas dizem, nunca vamos chegar ao nosso objetivo", diz ele. Entretanto, as críticas por si só jamais foram motivos para o comediante pensar em desistir da carreira, mas, sim, o medo de um dia não ser reconhecido pelo seu trabalho. 

O choque de gerações entre o futuro youtuber e sua família também foi um empecilho para o início dos trabalhos digitais. Os pais achavam obrigatório ter um diploma para conseguir emprego, exigindo assim que Kelvyn se formasse em algo para isto, o que fez o "digital influencer" começar os estudos no IFAL (Instituto Federal de Alagoas) Campus Maragogi, onde cursa hospedagem integralmente. Além disso, fez o curso de Guia de Turismo no SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) em Maceió (AL), o que possibilitou o serviço de um ano na Costazul (Empresa de Turismo e Receptivo). “Não era o curso que eu queria fazer, não era minha primeira opção, mas foi algo que eu peguei gosto e comecei a amar de fato", conta ele.

A respeito do trabalho de Guia em Turismo, o humorista alega que atualmente ainda é possível conciliá-lo com o Instagram, dependendo do serviço, com o auxílio de sua assessoria, é claro, e levando em conta a dificuldade dobrada que iria ter para gravar vídeos, sem nenhuma ajuda. Contudo, se chegar a um nível de seguidores que não valha a pena continuar em ambos, Kelvyn ratifica que prosseguirá unicamente na rede social. 

A grande virada de chave na vida do "artista da terra", como é conhecido em Japaratinga, foi quando a página Maceió Ordinário repostou um vídeo seu, o que fez seu alcance aumentar em proporções grandiosas, e permitiu que várias outras páginas famosas na plataforma o repostassem também, gerando o reconhecimento do seu trabalho por um público novo, e concebendo a tal o entendimento do que os seus admiradores gostavam.  

"O humor, a diversão, o carisma, a espontaneidade, e principalmente a verdade", são os motivos citados pelo "digital influencer" para que o público se identifique tanto com ele. A fórmula do sucesso para "Kelvynho" é entender o que o seu público gosta, onde e como vive, o que ele quer, e basicamente quem ele é. Com esse pilar, conseguiu atingir suas metas. Acerca disso, o jovem fala: "Meu público é praticamente inteiro do Nordeste, e por isso priorizo muito minha região, trazendo muitas características daqui e mostrando detalhes para que eles se identifiquem comigo, tendo, além disso tudo, de lembrar que você deve sempre respeitar todo mundo". 

Como diria Peter Parker, "com grandes poderes vêm grandes responsabilidades", e isso não é diferente para alguém que movimenta e influencia tanta gente como Kelvyn, que reconhece a necessidade de tratar temas tão importantes como racismo, machismo e homofobia, por exemplo. Além disso, tem consciência de que tudo que ele fala, ecoa dez vezes mais que uma pessoa anônima, e devido a isso, pode ser interpretado de várias maneiras. Logo, toma cuidado para que não fale algo que ofenda alguém, pois essa não é sua intenção. 

Chegamos no cerne da questão: o auge da carreira do humorista, que é a retomada de Kelvyn Amorim no Youtube. O artista declara que sempre teve o sonho de participar da nova plataforma, onde tem o objetivo de compartilhar vídeos. E essa certeza veio, coincidentemente, pelo mesmo motivo que o fez chegar até aqui: o incentivo do seu público, nesse caso, principalmente das crianças. É importante salientar que, outro grande responsável pela sua entrada no "mundo dos youtubers" foi a parceria com seu editor Anthony Durval, com quem decidiu criar o canal desde que atingiu os 10 mil seguidores na sua conta pessoal.   

O canal oficial no Youtube de "Kelvynho" se fixará em um outro lado do "garoto dos checks" que pouca gente conhece, tratando de assuntos da sua vida íntima e fatos sobre si que não são apresentados no Instagram. Com seu humor peculiar que identifica tantas pessoas, será contado relatos da sua vida e mostrado seu dia a dia por meio de "vlogs". Independente do novo canal, o artista afirma que não se ausentará do Instagram, lugar onde tudo começou e que lhe deu a visibilidade tão almejada.

Mais Notícias

Coment?rios

Carregando

Assine nossa newsletter e
receba as principais notícias por e-mail

Siga o Maragogi News nas redes sociais